semana da vida

CICLO de CINEMA
entrada livre

organização:
ISCRA (Instituto Superior de Ciências Religiosas)
ASSOCIAÇÃO dos MÉDICOS CATÓLICOS
ADAV AVEIRO

15 e 17 de maio – 20h30

LOCAL: CUFC AVEIRO

ver um filme e debater

A família ainda tem futuro?

II SIMPÓSIO FÉ E CULTURA

3 de Março de 2012

Inscrições

INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS RELIGIOSAS DE AVEIRO
Centro de Formação Contínua de Professores – Reg. Acred. n.º CCPFC/ENT-ES-0456/09
Edifício do Seminário de Sta. Joana Princesa, R. João Jacinto de Magalhães
Apart. 323 – EC Aveiro, 3811-905 Aveiro
Tel. 234 379 880 – Telem. 924378131 – Fax 234 379 887 – E-mail: iscra@netvisao.pt – http//: www.iscra.pt

dividir tarefas domésticas

Vale a pensa ler e relembrar a importância da partilha das tarefas domésticas desde pequenino:

“(…) é aconselhável que as crianças sejam incentivadas a participar nas tarefas domésticas desde muito cedo, porque assim aprendem a assumir responsabilidades, a ganhar autonomia, a desempenhar um papel produtivo na vida da família e a desenvolver a capacidade para tomar decisões, para gerir o tempo e para cooperar, que vai estabelecer  a sua auto-estima, bem como criar alicerces para assumir responsabilidades perante a comunidade em geral. Os pais devem escolher as tarefas apropriadas à idade e ao nível de maturidade dos filhos (…). De início as tarefas podem ser simples, como arrumar os brinquedos, dobrar as roupas e manter o quarto arrumado. Gradualmente outras tarefas domésticas rotineiras podem ser introduzidas: pôr e levantar a mesa, esvaziar o caixote de lixo (separar o lixo e reciclar), arrumar a cozinha.
Quando há mais do que um irmão, há que dividir as tarefas (…).
(…) plano aceite por todos deve ser amplamente participado através de uma discussão prévia e escrito na forma de calendário das obrigações de cada um, claramente descrito (por palavras, desenhos, horários) de maneira a que todos percebam.
Este plano pode ser um excelente amigo, uma divisão clara de responsabilidades sem margem para discussões. (…)
A eficácia de um regime deste tipo implica que se seja consciente e firme e que isso seja claro para todos. (…) Os pais devem resistir à tentação de fazer as coisas pelos filhos (requer muita paciência) mas o resultado vale a pena.”

Eva Delgado-Martins, Psicóloga.
Notícias Magazine 28.Agosto.2011